Home >> Psicologia >> O que faz o psicólogo esportivo no e-Sport?

O que faz o psicólogo esportivo no e-Sport?

Hoje quero conversar com vocês a respeito do profissional de psicologia atuante no esporte eletrônico. Como vocês sabem, sou psicóloga esportiva e trabalho com times de esporte eletrônico desde 2015. Mesmo depois de tanto tempo muitas pessoas ainda confundem o papel do psicólogo no time, quando nos acionar, o que devemos fazer e como isso deve ser feito.

Então venho aqui esclarecer algumas dúvidas para que você e seu time tenham mais segurança na hora de procurar um profissional da área.

O que faz o psicólogo do esporte voltado ao esporte eletrônico?

Uma das dúvidas mais frequentes sobre nossa atuação é o procedimento de atendimento dentro da equipe. O psicólogo esportivo não faz a mesma atuação que um psicólogo clínico, embora muitas vezes acabe fazendo o trabalho de orientação individual, nosso intuito não é a psicoterapia e sim, dentre outros, o acompanhamento do grupo em situações de ajustamento, motivação, desempenho e melhoria nos aspectos cognitivos. Tudo isso em prol de um grupo, do time.

Quando meu time deve procurar um psicólogo?

O trabalho do psicólogo deve ser preventivo e contínuo, portanto, não temos como exercer um bom trabalho apenas uma vez. O psicólogo não vem para remediar situações, mas sim para evitar que elas aconteçam. E um trabalho complexo pois exige envolvimento de todos da equipe.

Quanto tempo dura o trabalho do psicólogo?

Como na questão anterior, o trabalho do psicólogo é contínuo. Especialmente tendo em vista que o ser humano está em constante aprendizado, mudanças e adaptações. Uma alteração individual pode afetar o grupo para melhor ou pior. É neste momento que nossa atuação deve ser mais forte.

Em quanto tempo teremos resultados?

Não existe uma formatação específica de tempo para que as situações aconteçam ou se resolvam. Devemos ter em mente que nosso trabalho é com o grupo e só podemos executar nosso trabalho com excelência quando as pessoas com as quais trabalhamos são flexíveis, se envolvem e confiam em nosso trabalho. Caso contrário os resultados podem ser bem demorados ou nulos.

Existe diferença entre um psicólogo do gênero masculino ou feminino?

Nenhuma. O que diferencia os profissionais são sua experiência acadêmica e curricular, bem como seu estilo de trabalho. O gênero não deve influenciar na escolha por um bom profissional, assim como não deve influencia na escolha de bons jogadores. O importante é que busquem sempre saber quem é o profissional, se é especializado, tempo de formação, experiência, se está ativo na categoria…

O que mais pode fazer o psicólogo no time?

Além do acompanhamento da equipe, nosso foco principal, o psicólogo pode realizar recrutamento e seleção específicos ás necessidades do grupo, aplicação de testes (função privativa do psicólogo), comunicação interna e mediações.

Com quem o psicólogo trabalha?

Nosso foco principal são os jogadores, porém necessitamos muito do apoio dos líderes de time, coaches e managers para que possamos ter uma visão mais ampla das necessidades deste grupo e assim melhorarmos nosso trabalho. É muito importante também que estes líderes acreditem, se envolvam e disseminem nosso trabalho. A boa interação é a chave para o sucesso de nosso serviço.

O psicólogo deve ser contratado pelo time?

O psicólogo deve fazer o trabalho contínuo com o grupo e estar sempre presente nas reuniões e outras necessidades que possam vir. Porém, o trabalho pode ser autônomo desde que isso não influencie na qualidade do serviço prestado nem o ausente dos trabalhos com o grupo. Ainda assim, quanto mais tempo tivermos contato com o grupo e com os líderes, melhor será o nosso trabalho.

O psicólogo precisa saber jogar?

Não é necessário que sejamos exímios jogadores tal como nossos players, porém para entender as necessidades do grupo e as situações pelas quais o grupo passa é bom que tenhamos conhecimento na área. Muitos psicólogos além de saber jogar ainda possuem muita experiência em UX (user experience) pois a interação do jogador com o jogo também acaba sendo um fator estudado por nós para melhoria contínua do desenvolvimento do player.

O psicólogo age somente antes ou depois de campeonatos?

Pelo contrário, o trabalho do psicólogo é feito bem antes disso. Quando conseguimos executar nosso trabalho da forma adequada o campeonato é apenas uma das etapas. Focar apenas pode fazer com que o time não se preocupe com aprendizado ou com detalhes que podem ser cruciais para que se consolidem como campeões e nossa métrica de um bom trabalho desenvolvido é consagrar o título de primeiro lugar para a nossa equipe.

O psicológico realmente afeta o desempenho do jogador?

Sim, muito além de sabe a técnica o jogador deve conhecer a si, ao grupo e manter nisso elevados suas estima e motivação. Muitas vezes o grupo possui boa técnica, mas não boa comunicação, boa técnica, mas um ruim comportamento de equipe…. Para ser um vencedor, precisamos ter muito mais que técnica.

Muito bem pessoal, espero que tenha esclarecido algumas de suas dúvidas e fico a disposição para responder outras mais que possam vir.

 

Para maiores informações acessem minha página: www.arianemelo.psc.br
Caso desejem meu contato é : ariane@arianemelo.psc.br

 

Abraços a todos

Sobre Ariane Melo Marsoti

Psicóloga Esportiva, Jogadora, Dona de Casa... meio humana, meio orc mas sempre com muito sono!